Saiba o porque?

Não amamentei! Saiba porque?
Foi aprovado uma lei que as mães podem amamentar em lugares públicos, acho que não tem que discutir esse assunto, porque as mães sabem quando seu bebê está com fome, e ela vai amamentar onde for, com lei ou sem, que mãe vai deixar seu bebê chorando sabendo que é fome e não vai dar, isso é indiscutível.
Tive pré-eclâmpsia
Vou falar o porque não amamentei. Até vinte e uma semana gestação estava tudo bem, depois eu comecei a passar um pouco mal, descobri que estava com a minha pressão arterial elevada, o médico me pediu para ficar de repouso, mas mesmo assim persistia o mal estar, teve um dia que fui parar no hospital por conta de dores e também uma sensação de sufocamento. Quando chegou no oitavo mês, minha pressão subiu demais, fui imediatamente no consultório o médico falou que tinha que fazer cesária aquele dia mesmo. Após o parto o meu leite não desceu, certamente por conta do stress e de outros fatores. Tentei ainda, mas infelizmente não deu para amamentar, tive que dar outro tipo de leite para minha filha. Essa doença pode ocorrer na gestação, e não tem como saber se vamos ter ou não, minha pressão sempre foi normal, infelizmente não sabemos o que vai acontecer ao longo da gestação.

Quando leio em alguns blogs, que fala que precisa amamentar sim, eu também concordo que é mais saudável, que o leite materno tem todas as vitaminas, mas antes precisamos saber como foi a gestação dessa mãe, qual o tipo de problema que ela teve, se ela teve depressão pós-parto, se ela teve pré-eclâmpsia que é uma doença gestacional seríssima ,que o bebê corre risco e a mãe também, ou outros problemas.

Não podemos sair falando, o que podemos fazer é olhar para o outro e entender quais os motivos de cada um, entender qual a raiz do problema, e não ir julgando as pessoas, a vida é mais que um julgamento.

Quando uma mãe comentar   que não amamentou, antes de julgar o melhor  é ouvir a história antes, certamente tem uma história por trás  que as pessoas desconhecem.

post-dia-5-novembro1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fale comigo...

Seu e-mail foi enviado com sucesso.

© Copyright 2016.

Todos os direitos reservados.