banner4

Solidariedade

Vou contar para vocês um episódio que ocorreu comigo o ano. Como é importante nós não olharmos só para nós mesmos, precisamos entender e respeitar quando o outro está precisando mais em certos momentos da vida.
Bem, me ligaram do colégio da minha filha dizendo que ela estava com dor de ouvido, perguntaram se eu gostaria que ministrasse um remédio para dor até eu buscá-la, disse que poderia dar algumas gotas de dipirona para ir aliviando a dor até eu chegar. Liguei para pediatra e ela me falou que era para eu levá-la imediatamente no consultório para ela examina-la. Quando cheguei no consultório minha filha chorava muito de dor de ouvido, de repente a pediatra saiu da sala e veio em direção a minha filha, dizendo que eu poderia entrar na sala, imediatamente um senhora disse para a pediatra que era um absurdo a minha filha passar na frente, que o filho dela ia se atrasar para entrar no colégio, a pediatra ficou uma fera com essa senhora, disse para ela que em primeiro lugar, ela seria muito fria em deixar um paciente que está com dor para depois, em segundo lugar, como pode a senhora ver uma criança chorando de dor e a senhora fica preocupada que seu filho vai perder aula no colégio, que frieza e essa?
Pois eu vou atender ela agora porque é urgência , a senhora certamente pode aguardar.
Claro que eu não tinha marcado a consulta, era encaixe, se a minha filha não estivesse passando mal,  não passaria de forma alguma na frente dessa senhora. Mas o que surpreende é  a pessoa não conseguir enxergar uma criança que não estava bem, que estava gritando de dor, quem já teve dor de ouvido sabe que é insuportável. Enquanto nós não enxergarmos que não existe só nós no mundo, nada vai mudar. Ensinar nossos filhos a serem solidários aos outros, que nós não precisamos sermos os primeiros em tudo, que tenhamos a capacidade para entender quando um ser humano precisa de ajuda, tenho certeza que essa senhora não teve esse tipo de educação, porque  o que temos em casa reflete fora dela.. Foi isso😔
Essa pediatra da minha filha é um ser humano de verdade , e honra essa profissão que é tão linda e respeitosa..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fale comigo...

Seu e-mail foi enviado com sucesso.

© Copyright 2016.

Todos os direitos reservados.